7 dicas para deixar seu currículo competitivo no mercado

Existem diversas formas de vender seu peixe, mas algumas informações precisam ter destaque e estar no lugar correto para que seu currículo possa te colocar na frente de milhares de outros candidatos.

Todas as vezes que leio dicas sobre como elaborar um currículo, elas são bem parecidas. Muda-se uma coisinha aqui, outra ali, mas a essência é sempre a mesma. Então, por que será que alguns profissionais têm tanta dificuldade em elaborar um currículo, se as instruções são tão próximas? Talvez esta primeira dica consiga ajudar a pensar um pouco mais sobre esta questão:

  1. Um currículo não se faz de uma única vez. Existem pessoas que demoram quase um mês refazendo ou ajustando o seu primeiro currículo. E, realmente, não é um processo fácil ou rápido. Leia e releia com atenção quantas vezes precisar. É provável que você tenha mais competências e experiências do que acha que tem.
  2. Peça ajuda de um profissional. É bom contar com o olhar de quem entende da coisa. Seja um especialista de RH, consultor, psicólogo ou coaching. Você não domina o assunto, por isso, o auxílio de um profissional de sucesso é sempre bem-vindo.
  3. Seja objetivo quando for escrever sua pretensão profissional. Já li currículos com objetivos como: realizar um projeto que tenha haver com os meus valores e competências profissionais. Pare! O selecionador tem inúmeros currículos para avaliar, seja direto. Coloque, por exemplo: vendedor, telemarketing, cordenador de RH, contador ou finanças, varejo, administração.
  4. Não minta. Mentira tem pernas curtas e os selecionadores são treinados para descobri-las.
  5. Uma boa sugestão é seguir uma ordem básica na elaboração do seu currículo:

Dados pessoais
Objetivo: Área – Função – Cargo de interesse
Síntese de qualificações
Experiência profissional: Empresa, ano de trabalho, cargo, descrição das atividades e resultado alcançado com elas.
Formação acadêmica
Idiomas
Cursos complementares/Ferramentas/Projetos

Na seção “Síntese de Qualificações”, faça um parágrafo com um pequeno resumo da sua vida profissional. Caso seja seu primeiro emprego, não será necessário preencher.

Para cada atividade que você desempenhou em uma empresa, você deve apresentar um resultado. Por exemplo: vendedor do projeto “X”, resultando no atingimento de todas as metas em 15 % de aumento.

  1. Utilize verbos no gerúndio como “resultando”, “garantindo”, “aprimorando”, “diminuindo”, “aumentando” e “assegurando”, após a atividade desempenhada.
  2. Não seja simplista na hora de se vender. Duas páginas são o bastante. Uma boa apresentação do seu currículo vai lançá-lo na frente de inúmeros candidatos. Valorize também seu cartão de visitas.

Seguindo esses sete passos ao criar seu currículo, serão muitos maiores as chances de você conseguir uma entrevista de emprego ou uma nova colocação profissional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *